Como fazer corretamente a reeducação alimentar

A alimentação é parte integrante da nossa vida. Afinal, ‘nós somos o que comemos’ e, portanto, existem diversos cuidados que se devem ter numa alimentação. Existem imensas pessoas com problemas de saúde muito graves, que se devem à sua alimentação deficiente.Será que é complicado ter uma alimentação saudável? Talvez não. Será que é possível reeducar-se, começando a adquirir bons hábitos alimentares? Claro que sim.

Erros

Existem diversos erros, que podem comprometer uma alimentação adequada. O único erro não é apenas comer o que não deve. Não comer nas horas certas, comer muito rápido, não valorizar as refeições mais importantes, ou simplesmente não beber a quantidade de água exigível por dia, são erros que as pessoas não dão importância e que se revelam fundamentais para melhor alimentação.

Passos

Existem alguns passos, que o poderão ajudar a reeducar a sua alimentação, para que se sinta melhor no seu dia-a-dia. Afinal, o que pretendemos é, uma alimentação cuidada, equilibrada e completa.

1º passo – O pequeno-almoço é a principal refeição do dia, e muitas pessoas desprezam esta refeição bebendo apenas um café. É um erro terrível que em nada potencia o seu desempenho ao longo do dia. Basicamente, vai em jejum para o trabalho, o que não é, de todo uma boa opção.

2º passo – Comer em horas definidas. Devemos consumir seis refeições ao longo do dia. Uma de 3 em 3 horas é o ideal, isto previne que se sinta com fome e que na refeição seguinte coma em demasia, e não é uma boa premissa para uma boa alimentação. Pequeno almoço, lanche da manhã, almoço, lanche da tarde, jantar e para finalizar, a ceia. Estas são as seis refeições que deve contar no seu dia-a-dia. De salientar que os lanches e a seia, devem ser refeições mais light, ou seja, mais leves.

3º passo – Controlar o que come. Não compre alimentos que não sejam os mais acertados, para não ter ‘tentações’. É uma boa forma de se ‘defender’ e evitar que consuma alimentos que não são os mais aconselháveis.

4º passo – Mastigar lentamente, é uma das peças de relevância na alimentação. Comer devagar, mastigando bem os alimentos, é uma boa premissa para a digestão que se segue, e que faz parte do nosso ‘processo alimentar’. Uma boa forma de cumprir este passo, consiste em pousar os talheres sempre que coloca comida na boca.

5º passo – Comer sopa antes do prato principal. Consuma uma sopa que seja do seu agrado antes do prato principal. São ricas em legumes e pobres em gordura, o que é considerado bastante positivo numa alimentação cuidada.

6º passo – Alterne entre peixe e carne (alternando esta, entre carne branca e carne vermelha). É importante que a alimentação seja variada, para que adquira diferentes fontes de proteína.

7º passo – Equilíbrio deve ser uma das palavras de ordem, saber o que comer e as quantidades é importantíssimo. Uma boa forma de controlar esta situação, é verificando a roda dos alimentos e cumprir com as proporções propostas pela mesma.

Benefícios

Os benefícios de ter uma alimentação saudável, são evidentes. A saúde e o desenvolvimento físico, são fundamentais na nossa vida. Uma alimentação saudável permite evitar problemas indesejados, para além de se sentir com imensa energia e conseguir potenciar as suas capacidades ao longo do dia.

Saúde

Como já foi referido, uma alimentação cuidada, é crucial para a saúde do ser humano. Uma alimentação adequada proporciona uma vida mais saudável e mais longa. Previne imensas doenças, sendo a mais relevante a obesidade. Reduz o risco de possíveis riscos de contrair infeções, pois oferece defesas ao organismo. Para além disto controla imensas doenças relacionadas com o coração e com a circulação sanguínea.

Desenvolvimento físico

Uma alimentação adequada, propicia também, diversos benefícios no que ao desenvolvimento físico diz respeito. Melhora a condição física e atlética, dando possibilidades de obter maior desempenho nos exercícios físicos que executa. Controla o peso corporal e ao mesmo tempo, aumenta a densidade óssea. O aumento da capacidade de resistência é um importante benefício, assim como a melhoria da capacidade respiratória. Aliado a tudo isto, permite uma recuperação mais rápida depois dos exercícios.

Advertisements